Sem categoria

Amamentação x Machismo

Eu amamentei meu filho até os 2 anos de idade dele. Quando ele tinha um pouco mais de 1 ano, nós fomos a um evento de família em um restaurante. Em determinando momento o Matheus quis mamar e como sempre, e com toda naturalidade do mundo, fui dar de mamá para ele na mesa junto com todos.

Enquanto ele mamava, uma parente bem próximo a mim soltou o seguinte comentário alto e em tom de piadinha exatamente ao meu lado: “Esse aí já sabe o que é bom!!!”. Todos os olhares se voltaram para mim e eu só conseguia escutar as risadas e os comentários machistas de apoio.

Logo eu que sempre defendi tanto poder amamentar em locais públicos e que tinha discursos prontos na ponta da língua para comentários assim, me vi completamente sem reação por conta da proximidade familiar dessa pessoa. Eu me senti nua, vendida, envergonhada quando eu apenas estava alimentando meu filho. Depois ainda me senti culpada por não ter dito nada, por ter escutado calada.

Uma pesquisa rápida em fotos de amamentação nos perfis do Instagram e logo encontramos comentários como o que eu ouvi ou como: “Com esse peitinho aí mamava até hoje. ” Muitas amigas também já relataram receber cantadas por inbox em fotos em que estavam amamentando seus bebês.

Até quando vai ser considerado “normal” a erotização de um vínculo tão natural, bonito e único entre mãe e bebê?

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *