Sem categoria

E quando perdemos a paciência com nossos filhos?

Nenhum pai carinhoso se sente bem quando perde a paciência com seu filho. É comum sentirmos culpa e ficarmos um bom tempo tristes com nós mesmos. É importante acolher e validar esses sentimentos para tentarmos aprender com nossos erros. Nós temos a tendência de sermos muito carrascos com nós mesmos, porém só quando conseguimos nos perdoar de verdade somos capazes de aprender com nossas atitudes. Sejamos generosos com nós mesmos. Todo pai/mãe tem falhas.

Quando temos empatia conosco, conseguimos olhar de fora e entender o que de fato desencadeou a nossa impaciência. Nesse dia aconteceu algo de diferente? Estávamos mais cansados do que o normal? Havíamos tido uma notícia que nos desequilibrou emocionalmente? Estávamos chateados com alguma coisa? Fazendo esse tipo de questionamento e reflexão, conseguimos perceber qual foi o gatilho da nossa explosão para tentarmos nos prevenir e evitar de cometermos o mesmo erro no futuro.

Por fim, é essencial reconhecer a nossa falha junto aos nossos filhos e mostrar a eles que não somos perfeitos e que também temos defeitos. Pedir desculpas, assumir a responsabilidade e, ainda se necessário, fazer algum tipo de reparação é uma excelente forma de mostrar como agir quando erramos. Afinal, o que mais importa não é o erro em si, mas qual nossa atitude após cometê-lo.

Imagem de Bob Dmyt por Pixabay

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *